fbpx

Parceria

Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação – Rio de Janeiro

Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação – Rio de Janeiro

Clique e faça sua inscrição

Contribuições: somos uma iniciativa sem fins lucrativos e autossustentável, a contribuição tem como objetivo manter os custos operacionais da Escola.
Contribuição Normal: A vista R$ 100,00 ou R$ 120,00 em até 5 vezes
Contribuição Solidária: A vista ou parcelado R$130,00
Professoras/es da rede: 20% de desconto
Estudantes: 30% de desconto
Professoras/es filiadas/os ao SINPRO-RJ e SEPE: 40% de desconto
Para ter direito envie um email com qualquer comprovante para matricula@elahp.com.br
Bolsas especiais: desempregados/as, envie uma mensagem expondo sua situação para matricula@elahp.com.br

Certificados: são emitidos certificados para alunas/os com frequência mínima de 70%

Local: SINPRO-RJ, R. Pedro Lessa, 35 – Centro, Rio de Janeiro – RJ
Sempre aos sábados, das 9h às 13h

Coordenação Pedagógica : Jaqueline Gomes de Jesus e Roberta Calixto – Professoras: Elisa Guaraná, Jaqueline de Jesus, Luena Pereira, Moema Guedes, Roberta Calixto

Ementa

Introduzir na discussão teórico-metodológica de diferentes linhas de pensamento e ação feministas, contextualizadas pelas práticas de mulheres feministas. Fundamentação teórica básica e aplicações práticas do Feminismo, com foco nos feminismos de terceira onda e contemporâneos, considerando a conjuntura de lutas feministas local, nacional e global. De que maneira os pensamentos feministas foram se construindo. Processos históricos e a disputa por uma construção anti-imperialista, anti-racista e anti-liberal do pensamento e ação feministas. Feminismo e a luta pelo socialismo. Dentro da lógica dicotômica e hierárquica do pensamento hegemônico nos países imperialistas, aqueles que foram assinalados como “sul” – colonizado e “subdesenvolvido” – só existem em oposição ao “norte” -imperialista e “desenvolvido” -, que constantemente é o único legitimado como produtor de conhecimento. Essa lógica divisão hierárquica se estende também a outras construções sociais: classe, raça, gênero e sexualidade são alguns dos atravessamentos que influenciam as experiências das/os sujeitas/os em suas vivências.

1ª aula – 14/3– O surgimento do feminismo: contradições de classe e raça na Primeira Onda do Feminismo. – Surgimento do Feminismo. Sufragismo e abolucionismo. A primeira Onda Feminista. Divisão do Feminismo. Criação de Sindicatos de mulheres. Os feminismos: Burguês (as sufragistas) e Socialistas. Público X privado. Patriarcalismo. O Feminismo no Brasil as primeiras organizações de mulheres por direitos.
Professoras Jaqueline de Jesus e Elisa Guaraná

2ª aula – 21/03 – A Segunda Onda do Feminismo e suas contradições: a luta pela igualdade no mundo do trabalho e o direito ao corpo – Década de 1960 – 1980 – Segunda Onda Feminista. O direito ao corpo, a luta pelo aborto. As organizações feministas. As formas de exploração e dominação da divisão sexual do trabalho. As diferenças de condições de trabalho e as reivindicações das mulheres nos sindicatos. Feminismos e contradições de classe: a) liberais (reformistas), b) socialistas (capitalismo e patriarcado) e c) radicais: abolição do patriarcado como o principal bandeira. As organizações feministas no Brasil.
Professora – Moema Guedes

3ª aula – 28/3 – Feminismo, o Pensamento de(s)colonial e as lutas anticoloniais – Formação do Estado moderno e o mito da modernidade; Lutas anticoloniais na América Latina; Primeiras formulações do pensamento decolonial: negritude, panafricanismo e feminismo negro; a crítica ao “feminismo universal”. O Pensamento feminista negro: as precursoras brasileiras.
Professora – Luena Pereira

4ª aula – 04/4 – A formação do pensamento feminista negro brasileiro na década de 70 e as formas de luta em um Brasil racista – Brasil e o mito da Democracia Racial. A importância de se construir mitos: o quilombismo. Amefricanidade: formação do pensamento feminista negro a partir de perspectivas sul-sul; a crítica ás “ondas feministas” e seus processos de exclusão. As primeiras organizações do movimento negro. Mulheres, negras e feministas : a luta por um feminismo negro no Brasil.
ProfessoraRoberta Calixto

5ª aula – 18/4 – Feminismo e o Pensamento decolonial a partir da Década de 1980 – O decolonialismo e o desenvolvimento do conceito de interseccionalidade; críticas à heteronormatividade, Estado-nação, modelo único de família; perspectivas latinas; Transfeminismo.
Professora Jaqueline de Jesus

6ª aula – 09/5 – Os desafios para o feminismo no Sec. XXI : Feminismos e neoliberalismo o aprofundamento da exploração de classe. – A persistência das formas de exploração e dominação da divisão sexual do trabalho. Mulheres cuidadoras, a naturalização do trabalho “feminino” e sua desvalorização. O avanço da terceirização e da precarização: novas formas das velhas formas de exploração do trabalho das mulheres. O avanço das formas neoliberais de exploração do trabalho. As lutas feministas contra o avanço neoliberal. O feminismo e a classe trabalhadora o desafio de um feminismo popular no Brasil. Paradigma do “pós feminismo” ou feminismo de consumo.
Professora Elisa Guaraná

7ª aula – 16/5 – Os desafios para o feminismo no Sec. XXI : Feminismos e os novos processos de luta e resistência – A trajetória dos direitos e políticas públicas conquistados pós Constituição de 88 e seus desmontes. A onda conservadora feminismo e religião. A “ideologia de gênero” e o avanço conservador nas escolas. O uso das pautas feministas na disputa ideológica e eleitoral. As organizações feministas e de mulheres no Brasil dos retrocessos. Caminhos para o enfretamento da onda fascista. Feminismo da Diferença e feminismo dos 99%. Os desafios aos feminismos no séc. XXI. Por um feminismo socialista, anti-racista e não heteronormativo. Movimentos de mulheres trans e travestis em uma perspectiva política transfeminista.
Professoras Jaqueline de Jesus, Roberta Calixto e todas as demais

Este post tem 2 comentários

  1. Bom dia! Gostaria de saber como obter o desconto de estudante. Curso interessante quero muito fazer.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Carrinho